... Você pode me ver do jeito que quiser, eu não vou fazer esforço pra te contrariar, de tantas mil maneiras que eu posso ser, estou certa que uma delas vai te agradar...

Total de visualizações de página

segunda-feira, 28 de março de 2011

Em transito


Uma alma desassossegada, um vulcão em erupção, um desejo latente, uma preguiça de me explicar, uma sede de vida, vendaval de emoções, um turbilhão aqui dentro, e é sempre só você que acalma a minha pressa, e me entende, do início ao fim.


Postado por Valdeline Barros

Nenhum comentário:

Postar um comentário